segunda-feira, 15 de maio de 2017

Curso com sensei Watanabe

Foi realizado, no dia 13 de maio de 2017, no consulado japonês, o curso com sensei Watanabe.

Além do curso, o evento foi um grande encontro entre as figuras mais importantes da história do karate do Rio de Janeiro.

Inédito na história da FERJKT, esse encontro reuniu ícones do passado e do presente, de diferentes federações e organizações.

Ary Arsolino, o novo presidente da Federação, iniciou o calendário oficial da FERJKT de forma espetacular, mostrando que veio ara fazer a diferença, e para resgatar o karate de forma global, sem distinções entre federações e sem brigas pessoais, que só serviram e servem para desunir, dividir e enfraquecer.

Auxiliado pela vice-presidente da Federação, a faixa-preta e multicapeã do passado Simone Caldas, Ary fez com que o evento fosse um sucesso sem precedentes.

Após o curso, uma série de belas homenagens foram prestadas às figuras importantes presentes. Uma homenagem especial foi feita ao sensei Inoki, falecido recentemente.

Fica aqui registrado o agradecimento profundo da FERJKT a todos que compareceram ao evento para prestigiar esse encontro histórico.

OSS!!

Jayme Sandall, Juarez Alves (Jacaré) e Vinicio Antony


Vanessa Brito e Simone Caldas







Sensei Watanabe



Jociglei Cadena, Fernando Soares, Juarez Alves, Flávio Costa e Ugo Arrigoni


O presidente da FERJKT, Ary Arsolino, com sensei Watanabe






Diploma de sexto dan de karate Tradicional concedido a Jociglei Cadena

Homenagem à Simone Caldas e Vanessa Brito, por tudo o que fizeram e ainda fazem pelo karate do Rio de Janeiro

Homenagem a Jayme Sandall, campeão brasileiro de kumite 2017

Homenagem ao sensei de Ary e integrante da Geração de Ouro, Flávio Costa

Homenagem à primeira faixa preta de sensei Inoki

Integrantes da primeira Seleção Brasileira (1972) Ugo Arrigoni, Watanabe e Fernando Soares


Evilásio de Morais e Juarez Alves, integrantes da Seleção Brasileira na Geração de Ouro



Grandes campeões do Rio de Janeiro da segunda geração: Simone Caldas, Vinicio Antony, Paulo Uchôa, Marcus Vinícius, Luciano Zahar, Berenbaum, Paulo Pinto e Eduardo Santos

Vitor, presidente da Federação de Karate Shotokan do Rio de Janeiro (sensei Uriu)

Reencontro de uma luta que aconteceu em 1968 entre Cláudio Barbosa e Watanabe




Homenagem póstuma a sensei Inoki




Presidente da Associalçao Brasileira de Karate Jutsu (ABKJ), sensei Vinicio Antony


Nova diretoria da FERJKT com sensei Watanabe: Vanessa Brito, Simone Caldas, Ary Arsolino, Filipe Passos, Jayme Sandall e Christiano Arrigoni




domingo, 7 de maio de 2017

XVIII Campeonato Brasileiro de karate-dô JKA

























Foi realizado, nos dias 29 e 30 de abril, o décimo oitavo campeonato brasileiro JKA, na cidade de Goiânia, GO

O Rio de Janeiro teve a maior delegação do evento!
Isso se deve ao trabalho realizado pelo presidente da JKA-RJ, sensei Ugo Arrigoni, ao diretor administrativo, André Reis, ao técnico, Roberto Pestana, e aos professores que treinaram e estimularam seus alunos a competirem e representarem o Rio de Janeiro nesse evento grandioso.

O presidente da FERJKT, Ary Arsolino, e a vice-presidente, Simone Caldas, dando continuidade ao processo de união entre o Tradicional e a JKA no Rio de Janeiro, incluíram os treinamentos e a competição no calendário oficial da FERJKT, e com isso ajudaram demais no sucesso da equipe carioca nesse campeonato brasileiro.

Por si só, o fato de termos levado a maior delegação já seria um título dos mais importantes. Mas os atletas queriam muito mais, e trouxeram uma chuva de medalhas para casa.

Entre as crianças, muita vontade, coragem e acima de tudo postura. Muito mais importante do que qualquer medalha é a postura. Antes da competição, em um telão, o sensei Sasaki mandou uma mensagem aos atletas e pediu exatamente isso: manter vivo o budô do karate JKA. E foi exatamente isso o que os pequenos fizeram, competindo de forma impressionante. Foi um estímulo aos adultos, que competiriam no dia seguinte.

Entre os adultos, mesmo sem trazer medalhas, as meninas mostraram garra, espírito e técnica, e representaram o Rio de Janeiro com imensa honra.
No masculino, a equipe de kumite formada por Jayme Sandall, Ary Arsolino, Pedro Camacho, Igor Soares, Filipe Passos e Nathan Malavazzi estava muito afinada. A união dos participantes, sob a tutela do técnico Roberto Pestana, refletiu na atuação da equipe, que lutou muito. Perdemos na semi-final para os campeões - a fortíssima equipe de São Paulo. O bronze foi recebido com um misto de tristeza de uma equipe que queria muito ser campeã, e alegria pelo trabalho realizado.

No individual, Jayme Sandall conquistou o título de kumite pela sexta vez, quinta consecutiva (2013 a 2017).
Esse título só foi possível devido à união do grupo, que apesar de numeroso, agiu com unidade e harmonia. A torcida era intensa pelos atletas do Rio de Janeiro, e isso empurrou o lutador, que na final venceu o gaúcho Frank Manera.
Outro grande destaque do kumite individual foi Nathan Malavazzi.
Aluno de Fábio Simões (SP) desde criança, Nathan se mudou para o Rio e caiu nas mãos competentes do sensei Rodolfo Reis. Foi um reforço imenso para a equipe carioca.
Depois de vencer três lutas muito duras - ganhando do integrante da Seleção Brasileira Tradicional, Jean Edoardo (PR) -, Nathan só parou, já entre os oito melhores, diante do campeão, Jayme Sandall, que usou de sua experiência para vencer de virada aquela que foi sua luta mais difícil em toda a competição.
A vitória poderia ter ido para qualquer um, e isso foi percebido por todos.

Nathan foi convocado para a Seleção Brasileira que disputará o Mundial da Irlanda, em agosto, juntamente com Jayme.


Fica aqui registrado o profundo agradecimento a todos que trabalharam para que essa competição pudesse acontecer, para que os atletas treinassem e viajassem, e para que pudessem obter todo o sucesso.

Agora, é manter o grupo unido e forte, com foco no próximo desafio, o campeonato sul-sudeste Tradicional, que será realizado em junho, na cidade de Joinvile, SC

OSS!!

RESULTADOS DELEGAÇÃO JKA-RJ

Ouros
- Júlia Reis (kata e kumite individual 13 e 14 anos)
- Jayme Sandall (kumite individual)
- Isabela Gomes (kata 8 anos)
- Lorenzo Martín (kumite)
- Aníbal Ramón (kata)
- Bruno Anicio (kata e kumite 10 anos)
- Celia Marchidan (kata e kumite 11 anos)
- Raphael Pestana Salgado (kumite 11 anos)
- Mário Cadena (kata master )

Pratas
- Lucas Venito (kata individual 15 e 16 anos)
- Ana Luísa Venito (kata e kumite individual 15 e 16 anos)
- Pedro Pestana (Kumite individual 11 anos)
- Gabriel Gomes (kata 8 anos)
- Aníbal Ramón (kumite)
- Júlia Presman (kata 10 anos) 

Bronzes
- Kumite por equipes masculino (Jayme Sandall, Ary Arsolino, Pedro Camacho, Igor Soares, Filipe Passos e Nathan Malavazzi)
- Danilo Tabares (kata individual 15 e 16 anos)
- Lucas Venito (kumite individual 15 e 16 anos)
- Raphael Pestana Salgado (kata 11 anos)
- Miguel Bonfim (13 anos)
- Íris da Silva Isaac (kata 8 anos)
- Júlia Presman (kumite 10 anos)
- José Antônio Rodrigues (kata master) 





DELEGAÇÃO COMPLETA

Presidente JKA-RJ: sensei Ugo Arrigoni
Técnico : Roberto Pestana
Auxiliares técnicos: Carlos Venito e André Reis (infantil)

Delegado: Bueno

Árbitros: André Reis, Jociglei Cadena

Atletas infanto-juvenil: Isabela Gomes, Gabriel Gomes, Raphael Pestana Salgado, Pedro Pestana, Miguel Bonfim, Lucas Venito, Ana Luísa Venito, Danilo Tabares, Aníbal Ramón, Lorenzo Martín, Bruno Anicio, Celia Marchidan, Júlia Reis, André Reis jr., Íris da Silva Isaac, Ana clara Rodrigues , Júlia presman 

Atletas adulto: Bruna Lee Cadena, Jessica Raphaela, Talita Leite, Gabriele Bueno, Mário Cadena, Jose António Rodrigues, Jayme Sandall, Ary Arsolino, Pedro Camacho, Igor Soares, Filipe Passos e Nathan Malavazzi